a puta que te pariu, fiho da puta

eu gosto da maneira que você
expressa seu desprezo por mim, é
um bálsamo na forma de má-fé
me excita, me provoca, se assim vê

jamais que me importei com sua mercê
prefiro seu olhar com asco, até
enquanto me deleito do alto ao pé
seu nojo é meu prazer, pois vá, me dê

comente alguma coisa entre seus lábios
caminhe me observando à lateral
ensine com seus olhos mais que os sábios

me sinto muito bem como anormal
daqueles que não vão nos alfarrábios
talvez porque não façam grande mal.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: