(opus 007, sobre uma musa difícil)

classifiquei certa vez como frio
seu olhar belo entretanto sombrio
eu não creio que tenha apreciado
ela me deu uma expressão de enfado

possuidora de bastante brio
e nem todo ser a isso sorriu
apenas seu velho amigo viado
e também este poeta tapado

sua maldade vaza como um rio
com sentimentos fez muita piada
o portal de muita dor ela abriu

mas se por você ela é odiada
sua fraca criatura pueril
por mim sempre, sempre, será amada

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: